Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1771 - 26 de Março de 2021

Meio Ambiente

Usineiros soterram nascentes


Falando da preocupação com o meio ambiente, o promotor público, José do Egyto de Castro Sousa, afirmou aos presentes na reunião sobre a degradação ambiental nas fazendas arrendadas. "O histórico que se tem é que ao preparar a terra fazem o soterramento dessas nascentes, muitas vezes à noite, e no dia seguinte não se sabe se ali um nascia água", alertou, mostrando sua preocupação também com as queimadas. "Eu me preocupo muito tanto quanto com as nascentes, é com a questão das queimadas. Estamos num grau de evolução tão grande, que é inadmissível a prática das queimadas para se colher cana. E, muito mais ainda, queimadas nas proximidades das cidades ou de áreas habitadas", disse, lembrando do projeto do vereador Papinha que limita a distância de um quilômetro. "Muito pouco, são necessários dez a 12 quilômetros de distância, devido à fumaça e à fuligem provocada pela queima", sugeriu.

Cresce o número no abaixo-assinado contra a cana-de-açúcar

Há cerca de um mês, João Osvaldo Manzan iniciou campanha contra o plantio de cana-de-açúcar no município de Sacramento e, praticamente sozinho, já levantou mais de 500 assinaturas. "Para mim, as autoridades estão passando da hora de tomar uma decisão, porque o plantio de cana é agora. O município já tem uma área grande plantada e, nesse ano, a maioria vai plantar na região de Almeida Campos, cujos produtores não moram em Sacramento. Os daqui queriam plantar, mas resolveram esperar mais um pouco, graças a esses nossos apelos", disse Manzan, satisfeito com o resultado. "As pessoas estão assinando, jovens, principalmente, comerciantes, que inclusive estão questionando sobre o que a Aciapss está fazendo contra isso", disse mais, lamentando a omissão da entidade e até do Sindicato Rural, Manzan, lamenta o desinteresse das autoridades. "A Aciapss ainda não se pronunciou, os comerciantes estão questionando. Mas eles não deram uma resposta positiva. Eu acredito que se fizer um plebiscito na cidade, a cana não ganha. Se um político candidato falar em cana aqui, ele não se elege", justifica e diz mais: " O secretário de Agricultura do município, o João Donadelli, eu ainda não conversei com ele, mas há uma certa preocupação por parte dele".

IEF suspende processos de relocação de áreas


O IEF suspendeu todos os processos em tramitação de relocação de reserva florestal, aguardando uma nova lei para regular o assunto. "Antes dessa nova portaria paralisando esses processos de relocação de área, nós só fazíamos a relocação de reserva dentro da mesma bacia hidrográfica. No caso do município de Sacramento só dentro das bacias dos rios Grande e Araguari, mas o pessoal descobriu uma brecha na lei, e começou a comprar área para relocação de reserva em outras bacias. Ou seja, a pessoa tem uma fazenda em Sacramento e compra terras para reserva lá na divisa da Bahia, por exemplo", explica, Manoel Messias de Freitas, chefe do IEF local.

Operação Semana Santa prende 7 infratores


A Polícia Militar Meio Ambiente, das cidades de Sacramento, Nova Ponte e Araxá desencadearam nos dias, de 4 a 6 e 12 a 15 de abril, a 'Operação Semana Santa', com a participação de 14 policiais, 05 viaturas e 04 embarcações, que fiscalizaram os reservatórios de Nova Ponte, Volta Grande, Igarapava, Jaguara e Estreito, compreendendo diversos rios de 14 municípios. "Muito oportuna fo a operação, considerando que a Semana Santa sinaliza para um maior consumo de peixe, conseqüentemente há um maior número de pescadores nos rios, infelizmente 50% deles pescam com utilização de redes", avaliou o 1º Ten Reginaldo Correa Silva, Cmt da 37ª Cia Meio Ambiente e Trânsito, que comandou a operação. Veja o resultado da operação:

Usina Caetés divulga cultura da cana-de-açúcar


Diretores da Usina Caeté S/A, do grupo Carlos Lyra, estiveram em Sacramento, no último dia 13, para uma reunião com produtores rurais. "Nosso objetivo é divulgar a cultura da cana de açúcar, mostrar os benefícios nas áreas de produção, os valores agregados, os benefícios para a região como um todo e para Sacramento, visando ainda a implantação da unidade nesse perímetro", justificou o diretor Abel de Miranda Uchoa.

A Usina Caeté S/A, com unidades em Delta e Volta Grande tem pretensão de expansão no sudeste. "Pretendemos expandir nossas unidades e, por isso, começamos um estudo na região com a pretensão da instalação de uma unidade neste município", adianta, informando que não houve ainda nenhum contato com autoridades locais. "Estamos analisando a disponibilidade de área, a vocação da região, analisando se seria Sacramento o local correto para implantação. Tudo depende de uma logística de estradas, comercialização. Só depois dessas análises, devemos contatar as autoridades locais", disse mais.

João Oswaldo lidera campanha contra o plantio de cana-de-açúcar


O pecuarista, ex-presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Sacramento, João Osvaldo Manzan, está liderando a campanha, "Não plante cana em Sacramento". Justificando o abaixo-assinado, Manzan enumera três prejuízos: 1- a cana quando entra em determinada região ela implanta a monocultura, causando o desaparecimento do plantio de culturas de grãos e outras, afetando também a pecuária de leite e de corte; 2- a poluição será generalizada, com terra e ar sofrendo conseqüências irreparáveis; 3- o município sofrerá um atentado na sua qualidade de vida, que é a maior riqueza que possuímos.

Turismo histórico... sem patrimônio histórico!

Alessandro Abdala

Enquanto isso, no seu rancho, no Cipó...


Um rol de fotos de funcionários da prefeitura trabalhando no rancho do prefeito Joaquim Rosa Pinheiro, no Cipó, no dia 17 de fevereiro último, está rodando pela internet há cerca de 15 dias. O vereador José Carlos Basso De Santi Vieira - Fofão, levou as fotos na última sessão da Câmara para denunciar que o prefeito Joaquim pratica improbidade administrativa. "Eu falei que o sr. prefeito faltava com transparência, nessa, eu falo que o sr. prefeito municipal pratica improbidade administrativa, violando o Decreto 201, se verídicas forem essas fotos que estão em minhas mãos, que duvido que sejam montagem", denunciou.

IMA alerta sobre raiva

Com o objetivo de erradicar a raiva animal no município, o IMA - Instituto Mineiro de Agropecuária, está alertando os criadores de bovinos da importância da vacinação. “A raiva é considerada uma das doenças de maior importância em Saúde Pública, não só por sua evolução drástica e letal, como também por seu elevado custo social e econômico”, disse a coordenadora do Ima local, Viviane de Souza..

Segundo a zootecnista,a raiva bovina causa grandes prejuízos anuais devido a morte de grande quantidade de animais, além de gastos indiretos com vacinações de bovinos e eqüinos e inúmeros tratamentos de pós-exposição de pessoas que mantiveram contato com animais suspeitos.

SAAE constrói novo reservatório

O SAAE começou as obras de construção na ETA de um novo reservatório de água, "para suprir parte da demanda de reservação do município que é de 2.800 m3 de acordo com os estudos feitos pela Divisão Técnica do SAAE. O reservatório, que está sendo construído pela Oficina Moura Ltda, será em estrutura de aço, forma cilíndrica com 16,90 metros de diâmetro e uma altura útil de 4,50 m, apoiado sobre base no terreno, com capacidade para 1.000 m3".