Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1771 - 26 de Março de 2021

Meio Ambiente

José Maria derruba decisão que havia mandado demolir ranchos em Jaguara

Edição nº 1676 - 24 de Maio de 2019

As decisões judiciais ordenando as demolições de ranchos localizados à beira de lagos e represas da região sofreram uma inédita reversão, dando novo ânimo aos proprietários de Sacramento e Rifaina (represa de Jaguara); e de Cássia, Delfinópolis e Passos (represa de Furnas).

Uma decisão liminar recente do Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região suspendeu a demolição de rancho no município mineiro de Sacramento  na divisa de SP com Minas, em Rifaina. O rancho protagonista da ação já tinha ordem de derrubada, e contra a qual não cabia mais nenhum recurso. 

Tremor de terra em Delfinópolis assusta moradores da região

Edição nº 1676 - 24 de Maio de 2019

Moradores de Delfinópolis (MG) e das cidades vizinhas levaram um susto com um abalo sísmico ou tremor de terra, de magnitude 3.9 na Escala Richter, com epicentro no município de Delfinópolis, às 16h46, que foi sentido nos municípios de Claraval, Passos,  Cássia, São Roque de Minas, Itaú de Minas, Alpinópolis, Jacuí, no Sul de Minas, Sacramento, Uberlândia, Tapira,  Araxá,  Rifaina, Alto Porã, Franca,  Cristais Paulista, Pedregulho, Vargem Grande, São Joaquim da Barra, Itirapu, dentre outras.

MG aprova licença para mineração na Serra da Piedade

Edição nº 1665 - 8 de Março de 2019

A Câmara de Atividades Minerarias do Conselho Estadual de Política Ambiental (Copam) aprovou dia 22 último a retomada da mineração na Serra da Piedade, na região metropolitana de Belo Horizonte, que é tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e local onde fica o o Santuário de Nossa Senhora da Piedade, padroeira de MG. 

De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) foram sete votos a favor – incluindo o do governo Romeu Zema, por meio de três secretarias a favor e uma abstenção.  

305 quilômetros do rio Paraopebas estão mortos

Edição nº 1664 - 1 de Março de 2019

Um trecho de 305 quilômetros do rio Paraopeba está com a qualidade da água ruim ou péssima, segundo um relatório divulgado nessa quarta-feira 27 pela Fundação SOS Mata Atlântica, que realizou uma expedição ao longo do rio, passando por 21 municípios, para avaliar os danos após o rompimento da barragem I da Mina Córrego do Feijão, que deságua no Paraopeba, em Brumadinho, que ocorreu no dia 25 de janeiro.  A tragédia resultou no despejo de 14 toneladas de rejeitos de minérios no Paraopeba e deixou pelo menos 180 mortos e 130 desaparecidos. 

Barragem de rejeitos da Mosaic em Araxá está sob emergência

Edição nº 1664 - 1 de Março de 2019

A barragem de rejeitos da Mosaic Fertilizantes, em Araxá, teve o atestado de estabilidade negado e foi declarada em situação de emergência na última sexta-feira 22 e as operações da estrutura foram interrompidas temporariamente. O problema foi detectado após inspeção realizada por uma consultoria externa especializada. Sem constatar a estabilidade da estrutura, a barragem do Complexo Mineroquímico de Araxá foi classificada com Nível 1 de risco – primeiro dos três estágios de risco possíveis.

Araxá tem 15 barragens, cinco delas à montante

Edição nº 1663 - 22 de Fevereiro de 2019

Depois da segunda grande tragédia com rompimento de barragens no Estado, a vizinha Araxá acendeu a luz de alerta, pois o município possui 15 barragens de rejeitos, de três empresas,  sete da CBMM, sete da Mosaic e uma da Santa Clara Louças Sanitárias. O que mais preocupa é o fato de que cinco delas são à montante,  uma da CBMM, três da Mosaic que adquiriu da Vale Fertilizantes a unidade de Araxá e uma da Indústria de Louças Sanitárias Santa Clara. 

Material desconhecido descartado na zona rural mobiliza Corpo de Bombeiros em Uberaba

Edição nº 1659 - 25 de Janeiro de 2019

O Corpo de Bombeiros de Uberaba compareceu no último sábado 5 à Estrada Cascalheira na zona rural daquele município, onde foi constatada a presença de um material desconhecido, aparentemente óleo vegetal, que estava depositado em cavidades no solo, tipo poças. A suspeita é que tal despejo possa ter causado algum tipo de dano ambiental.

Nas proximidades existe um curso d'água, mas segundo os militares o líquido não chegou a atingi-lo.

Municípios discutem projeto de resíduos sólidos urbano

Edição nº 1657 - 11 de Janeiro de 2019

Representantes das prefeituras consorciadas ao Convale (Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Regional) participaram nessa quarta-feira 9, em Uberaba, de uma reunião com representantes e consultores da Caixa Econômica Federal (CEF) e Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), para a concretização do processo de desenvolvimento do projeto-piloto de incentivo e investimento na infraestrutura municipal, como parte do Programa de Apoio às Concessões Municipais.

Prática de rapel termina em cinco mortes em cachoeira

Edição nº 1655 - 28 de Dezembro de 2018

Trágico final de semana para seis jovens que praticavam rapel na Cachoeira do Zé Pereira, localizada no município vizinho de São João Batista do Glória (MG), na serra da Canastra, no último dia 22. Cinco deles morreram no local depois que uma tromba d'água caiu na cabeceira do córrego, pegando os jovens de surpresa rio abaixo, quando praticavam rapel, esporte radical, para descida de lugares íngremes, como cachoeiras, barrancos e prédios, através de cordas presas ao corpo.  

Reciclagem e cooperativismo serão temas de palestras para catadores de materiais

Edição nº 1622 - 11 de Maio de 2018

A Secretaria de Meio Ambiente e Consócio UH Igarapava  reúnem na próxima semana, quarta-feira 16, os catadores de materiais recicláveis  e pessoas interessadas para uma rodada de palestras  abordando temas como Reciclagem, Cooperativismo, sua importância e  benefícios. O encontro terá início às 9h, no Centro de Apoio ao Produtor Rural, no Parque de Exposição Hugo Rodrigues da Cunha.