Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1777 - 07 de Maio de 2021

Cardeal recebe a primeira Comenda Cônego Hermógenes

Edição nº 1417 - 06 Junho 2014

O cardeal do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta,. presente em Sacramento, dia 31 de maio, para presidir a Missa de encerramento da Festa da Padroeira da Cidade, recebeu do pároco Pe. Sérgio Márcio de Oliveira, a primeira Comenda Cônego Hermógenes de Araújo Brunswick.  Criada este ano pelo próprio pároco, a comenda homenageia benfeitores da Paróquia do Santíssimo Sacramento Apresentado pelo Patrocínio de Maria e, também, a todas as pessoas que prestaram relevantes serviços à Igreja Católica, em qualquer continente.  

A outorga da comenda foi feita logo após Pe. Sérgio Márcio dar vazão às lágrimas ao ver Dom Orani coroar a imagem da padroeira e, também, por ver fechada, com chave de ouro, a Festa da Padroeira de 2014, com a presença de nove bispos e um cardeal presidindo as celebrações eucarísticas e as novenas. 

Destacou Pe. Sérgio o grande trabalho realizado pelo cardeal no Brasil e no Vaticano, atuando nos Dicastérios da Cúria Romana e, agora, como o mais novo membro da Congregação para a Educação Católica e do Pontifício Conselho para os Leigos. Lembrou também o pároco da amizade que os une desde os tempo de estudos Teológicos, em São José do Rio Preto, onde Dom Orani era bispo.

Visivelmente emocionado, agradecendo aos festeiros e a todos os que fizeram a festa acontecer, aos bispos que acolheram o convite para participarem das celebrações, o pároco dirigiu-se a Dom Orani, afirmando:

“- Na pessoa dos festeiros e de toda a comunidade católica de Sacramento, queremos agradecer a cada um que nos ajudou na festa da nossa padroeira e, em sinal da nossa gratidão,  como reconhecimento da nossa Paróquia do Santíssimo Sacramento Apresentado pelo Patrocínio de Maria, o Sr, Dom Orani, recebe hoje a primeira Comenda Cônego Hermógenes Brunswick, sacerdote que adentrou nestas terras trazendo o Santíssimo Sacramento e a Virgem Maria, dando origem a esta cidade. A todos, nosso Deus lhes pague”, afirmou, e, logo a seguir condecorou o cardeal sob um forte aplauso dos fiéis que lotavam a igreja. 

 Agradecendo, Dom Orani disse da sua gratidão por tão longa amizade e reconhecimento. 

Após a celebração, em nome do poder Executivo, o prefeito Bruno Scalon Cordeiro também condecorou o cardeal com a Medalha da Ordem de Nossa Senhora do Patrocínio do Ssmo Sacramento, destacando a alegria de a cidade receber pela primeira vez em sua história, a visita de um cardeal. “Tão ilustre visita na Festa da Padroeira, trazendo  essa palavra de fé, de alento e de esperança  para nós (...). Vossa  Eminência  leva de todos nós toda a nossa gratidão, mas vai levar no seu peito, a nossa a Comenda de Nossa Senhora do Patrocínio do Santíssimo Sacramento, a maior honraria de nosso município. E gostaríamos  que o Sr., a exemplo Daquele que está lá no Corcovado, abra seus braços e abençoe a todos nós”.   


“Que essa celebração firme ainda mais o viver bem, a vida cristã e a fraternidade nesta cidade”

Na sua homilia, Dom Orani Tempesta destacou a importância da festa como momento de encontro e reflexão e da Virgem na vida dos cristãos. Como especialista em Comunicação, ex-presidente da Comissão Episcopal para a Cultura, Educação e Comunicação da CNBB por dois mandatos consecutivos, de maio de 2003 até maio de 2011, o cardeal falou sobre o Dia Mundial das Comunicações, comemorado no dia 1º de junho.

 "- A comunicação deve fazer com que consigamos levar a face misericordiosa da Igreja às pessoas. Como nos orienta o Papa Francisco, precisamos viver uma comunicação a serviço de uma autêntica cultura do encontro, do bem", disse, parabenizando os sacramentanos pela devoção à Virgem. 

Em entrevista ao ET, Dom Orani falou da satisfação de estar na cidade. “É uma alegria poder atender o convite de padre Sérgio e estar aqui celebrando este dia solene da padroeira, Nossa Senhora do Patrocínio do Santíssimo Sacramento, e de poder com toda a população celebrar essa festa que marca a cidade. E, espero também, que essa celebração firme ainda muito mais o viver bem entre as pessoas, a vida cristã, fazendo o bem aos outros, vivendo a fraternidade na cidade”. 

Sobre o título inédito da padroeira da cidade, Nossa Senhora do Patrocínio do Ssmo Sacramento e a concessão da coroação pelo Papa Francisco, afirmou: “Nossa Senhora do Patrocínio do Ssmo Sacramento tem uma devoção própria do lugar e traz consigo dois belos temas, o primeiro, o Santíssimo Sacramento, o Cristo  na Eucaristia e, outro, a presença de Maria, que é rainha, o que agora será firmado e confirmado pelo santo Padre. Maria é rainha porque é mãe do Rei, e o Papa coroar a imagem é um símbolo que sacramenta ainda mais essa dignidade. Isso demonstra que Sacramento quer tê-la como rainha da sua vida, da sua gente, do seu trabalho, da sua história. Sacramento  tem um carinho muito grande com Maria desde a sua fundação e que, agora, terá uma responsabilidade ainda maior porque ela será coroada oficialmente”. 

Considerando-se o fato de que essa é a primeira visita de um cardeal à cidade e o fato de não ser comum a visita de cardeais a pequenas cidades, simpaticamente, dom Orani justifica. “Tudo depende da agenda e das possibilidades e até as várias coincidências. Padre Sérgio Márcio me fez o convite há algum tempo e, devido à nossa antiga amizade, desde São José do Rio Preto, vi a possibilidade de agendar o compromisso. E, sempre que é possível visitamos comunidades, cidades, o que nos propicia o conhecimento de outras pessoas, outras realidades, para ver a caminhada da Igreja em cada lugar”.  

Dom Orani foi nomeado no dia 22 último,  o novo membro da Congregação para a Educação Católica e do Pontifício Conselho para os Leigos. O cardeal é também o quarto cardeal brasileiro nos Dicastérios (departamentos) da Cúria Romana.

Falando sobre a sua nomeação, Dom Orani explica. “As nomeações que o Santo Padre faz, mais que privilégio, é um trabalho, um serviço que a Igreja nos pede no sentido de ajudá-lo nesses tempos de tantas mudanças a enfrentar os desafios, sobretudo no sentido de a igreja continuar levando Cristo aos irmãos em todo o mundo. Para nós no Brasil, sobretudo para mim, é uma grande responsabilidade essa representação para poder bem servir também o nosso país, o que  é nossa missão  como Igreja”.