Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1748 - 09 de Outubro de 2020

OAB visita presídio

Edição n° 1283 - 11 Novembro 2011

A presidente da 116ª Subseção da OAB/Sacramento, Dora Cerchi, acompanhada de diretores da instituição, visitou o presídio de Sacramento, atendendo convite do diretor geral, Aparecido Galdino, com o objetivo de conhecer as dependências do presídio e o recém construído, parlatório, cuja ajuda financeira partiu dos advogados inscritos na ordem local e de amigos.

Justificando o papel da OAB na obra, Dora Cerchi falou da dificuldade de um local onde os presos pudessem conversar com seus advogados, mais tranquilamente. “Sentindo essa preocupação e atendendo também a um pedido do diretor do presídio, a OAB cooperou com a construção do parlatório, um local apropriado para o advogado receber e conversar com os clientes presos com segurança. E nós com a ajuda dos colegas advogados e empresários locais, conseguimos terminar a obra”, disse.

O diretor Aparecido Galdino, que acompanhou a visita, reconheceu a ajuda conseguida através da OAB. “Antes de termos o parlatório, desocupávamos asala dos agentes para a visita entre advogado e detento, hoje temos esse espaço, construído para essa finalidade e com toda a segurança.

Explicou o diretor, que o advogado dispõe no local do necessário, inclusive tomada para ligar um laptop. “Faltava esse espaço aqui no presídio, tínhamos a área e alguma sobra dematerial, mas precisávamos de ajuda para a construção e a OAB se dispôs a nos ajudar”, afirmou.  

De acordo com Aparecido, existem normas para a visita dos advogados com os clientes. O advogado deve comunicar a visita com antecedência,registramos o agendamento com horário definido e quando o advogado chega, o detendo já está no parlatório. O advogado pode vir quantas vezes quiser, desde que agende o horário e,  o tempo máximo para cada visita é de 30 minutos”, explicou.

Na oportunidade, os diretores da OAB visitaram outras dependências com a lavanderia, a farmácia, a horta, a área destinada à vista de famílias com crianças pequenas, que não têm acesso ao pátio interno. Os visitantes elogiaram a limpeza e a nova estrutura criada a partir da posse da Suapi.