Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1783- 18 de junho de 2021

Polícia em Ação

Edição nº 1406 - 21 Março 2014

Polícias Militar e Civil começam a prender integrantes da quadrilha que age na MGC 464

Durante Operação na rodovia MGC 464, no município  de Conquista, estrada de ligação da cidade de Sacramento a BR 050, equipes da Policia Militar com militares das cidades de Sacramento e Conquista e equipes da Policia Civil de Conquista depararam com os infratores GCF, 18, e LCFA, 24, em atitudes suspeitas ocupando uma camionete Ford Ranger, preta,  placas DKZ- 7733, de Matão (SP).     Os suspeitos foram abordados e,  realizadas pesquisas sobre os  indivíduos e a caminhonete, confirmaram tratar-se de um  veículo com ocorrência de furto e roubo. 

Os autores foram presos por receptação pela ocorrência de nº 559/2014 de 10/03/2014 da cidade de Matão/SP. Os dois autores foram  conduzidos para a Delegacia da cidade de Conquista, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante. O veículo foi apreendido e encaminhado para o pátio credenciado de Sacramento. Um aparelho celular Samsung Galaxy SIII foi apreendido e nele constam várias mensagens de compra e venda de automóveis,  inclusive,  de uma caminhonete Ford Ranger.  

 GCF é conhecido pela prática dos crimes de furto/roubo e receptação, possuindo comércios de veículo denominado “Ferro Velho”, nas cidades de Sacramento e Franca.

A Policia Militar orienta as pessoas a participarem do combate à criminalidade, através de  denúncias anônimas, informando  sobre pessoas estranhas circulando na zona rural, principalmente em veículos suspeitos e, também, veículos abandonados, que podem ser utilizados em fugas, para diferenciar de veículos reconhecidos pelas vítimas usados na prática de crimes estando em locais diversos.        

 Os Trabalhos e operações estão sendo efetuados continuamente em conjunto pelas  Polícias Militar e Civil,  24 h por dia, em patrulhamento nas rodovias e zona rural.

 

Um preso e um morto em operação de combate ao crime na MGC-464

Durante Operação na rodovia MGC 464, estrada de ligação à BR 050, na  zona rural do município de  Conquista,  equipes da Polícia Militar com militares das cidades de Sacramento e Conquista e da Polícia Civil depararam com o veículo Honda Civic placa HGW-4222, cor prata, roubado na cidade de Uberaba, o mesmo veículo foi utilizado em outros assaltos, inclusive o do promotor de Franca, na semana passada.    

Ao avistarem o veículo, a polícia determinou que os ocupantes parassem para abordagem, mas os ocupantes do veículo não obedeceram à ordem e depois de dispararem na direção dos policiais, evadiram-se em alta velocidade pela rodovia LMG 805, entrando  num canavial, na Fazenda Garça. Acionados reforços nas cidades de Sacramento, Conquista, Uberaba e Delta, a polícia iniciou rastreamento, até que  militares  avistaram o veículo e, com os sinais sonoros e luminosos determinaram que parassem. No entanto, os ocupantes empunhados com arma de fogo, efetuaram novos disparos na direção dos policiais que revidaram. E mais uma vez os  autores evadiram-se e, ao chegarem próximo a uma mata, deixaram  o veículo,  entraram na mata e escondidos atrás de pedras e árvores, mais uma vez efetuavam vários disparos de arma de fogo.

 Ignorando a ordem para que se rendessem,  os autores continuaram atirando na direção dos militares,  que também passaram a atirar contra os autores.  O autor Aldinei Antonio Oliveira Junior, 19 anos, foi alvejado na cabeça, vindo a óbito no local; o  outro autor, CHGO, 18 anos,  se rendeu, tendo efetivada sua prisão.   Com os autores foram encontradas várias armas utilizadas nos quatro confrontos.  

Conforme o BO, no confronto,  foram efetuados inúmeros  disparos, de carabina 556; pistola .40 e de fuzil 762. Não foi possível identificar a autoria dos disparos que atingiram o autor Aldinei, visto que três militares efetuaram disparos. Agora, conforme prevê a legislação,  será instaurado inquérito para apurar os fatos. 

O veículo Honda Civic,  prata, placa HGW 4222, roubado em Uberaba,  é o mesmo  utilizado em outros assaltos, um deles praticado no dia 13 de março,  quando roubaram a caminhonete Toyota Hilux CD4X4, cor preta, placas EBS-2317,  de Franca, de propriedade de um promotor público, que foi abandonado num canavial. Naquele assalto, o veículo era ocupado por quatro autores.

A Polícia Militar destaca a  importância da informação da população para o combate à criminalidade e orienta as pessoas a participarem deste combate, por meio de denúncias anônimas, sobre pessoas estranhas circulando na zona rural, veículos suspeitos e ou  veículos abandonados, que podem ser utilizados em fugas, para diferenciar de veículos reconhecidos pelas vitimas usados na prática de crimes estando em locais diversos.  E tranqüiliza a população, informando que os trabalhos e operações estão sendo efetuados 24 horas por dia, em conjunto com a  Policia Militar e  Policia Civil, em patrulhamento nas rodovias e zona rural.

 

Polícia de Delta localiza dois veículos roubados

A Polícia Militar da cidade de Delta localizou dois veículos com queixa de  furto/roubo, sendo um Monza Verde – Placa BPW-1126 e um Gol branco – placa CFQ0559,  ambos emplacados na cidade de Igarapava/MG. 

 

Veículos recuperados em desmanche em Uberaba

A PM  de Uberaba, após denúncia  anônima no dia 13, chegou a um local de desmanche de veículos, no Jardim Maracanã. No local, a PM encontrou peças de veículos de procedência duvidosa, ferramentas e acessórios e também dois veículos parcialmente desmanchados, Hyundai 130 2.0 e um Toyota Hillux CV 4x2,    aparentemente com todas as peças no interior.   O veículo Hyundai 130 2.0, modelo 2011, preto, placa ETN 9231/Sacramento está em nome de ECB. O outro veículo, um Toyota Hillux CV 4x2 SRV, prata, placa MSN 4015/São Paulo (SP), está em nome de Mitsui Sumitomo Seguros AS.

De acordo com o BO, o imóvel pertence a MVA, que já tem passagens pelos meios policiais. No local, foram apreendidos kit completo de rodas aro 16 (sendo 4 de liga leve e um estepe), pertencentes a um Honda Civic; diversas ferramentas usadas em  mecânica,  um macaco hidráulico; uma roçadeira a gasolina marca Stihl, modelo FS 55; dois cilindros, sendo um de acetileno dissolvido e outro de oxigênio comprimido, um suporte de rodas para transportar cargas; um kit completo de maçarico (válvulas, mangueiras e bico); estofamento, para choque e carpete de um veículo Honda Civic, dentre outras peças.   

No dia anterior,  denúncia anônima levou a PM a prender em flagrante por receptação de veículo furtado e adulteração de veículo, o borracheiro MMAE, 22. A prisão aconteceu  na noite  do dia 12, numa borracharia no quilômetro 20 da Ligação 798. 

No local, a polícia encontrou dois carros, um Fiat Uno Mille Smart, placas JFW-1367/Uberaba, cor branca, furtado no dia 20 de fevereiro; um Fiat Fiorino, cor branca, placas GKQ-5985/Ibiá e uma motocicleta Honda CG 150cc, vermelha, placa GRQ-1179/Araguari. 

 

De acordo com informações para imprensa regional, o borracheiro confessou que retirava as peças do Fiat Uno Mille Smart (furtado) e estava instalando no Fiat Fiorino e teria dito mais, que  comprou o Uno Mille por R$ 1.200,00,  para usar as peças em outro carro, do “Baianinho”, porém não soube informar o paradeiro do “Baianinho”. 


Empresa assaltada em Sacramento

A empresa lavadora de batatas, situada na MG-190, em frente ao Parque de Exposições foi alvo dos ladrões no último dia 12. De acordo com BO, a vítima GB, 23, relatou que havia chegado á propriedade de seus pais, uma hora antes, num Hyundai 130, preto, com a nota fiscal no porta luvas, que seria emplacado no dia seguinte com a sequência PWY0405. Disse que estavam todos numa sala, quando chegaram três indivíduos, dois deles armados com revólveres  e anunciaram o assalto, ordenando que passagem todo o dinheiro. Um dos autores pegou a sua bolsa de onde retirou R$ 1.500,00. 

Na saída, determinaram que entregassem as chaves de um dos veículos  que se encontravam no pátio, para fugirem, momento em que  um dos autores tomou-lhe as chaves do  Hyundai.  De acordo com a vítima,  o autor aparentemente, não tem prática com veículo  automático, pois ao sair do local chocou-se de frente com um vaso de planta e saíram, para a  MG-190, sentido trevo do Santo Antônio e dali as vítimas perderam a visão do veículo.

 De outra vítima,  OACB, os autores levaram o seu  aparelho celular Iphone. A vítima não sabe a marca, mas o aparelho possui identificador localizador, porém naquele no momento, pelo nervosismo, ela não conseguia lembrar a senha. Também a vítima, JAS, teve o seu celular LG roubado. Segundo as vítimas, os autores chegaram a pé, vindos por trás do escritório. Os três cobriam os rostos com camisetas e trajavam blusas de mangas compridas. Um dos autores é alto,  forte, pardo de olhos grandes castanhos escuros; outro é de estatura mediana, moreno, olhos pretos e,  o terceiro, também alto, magro, olhos verdes.  

O funcionário WAKG, que foi rendido pelos autores, de acordo com as características de um dos autores, disse conhecê-lo bem e trata-se de um ex-funcionário da empresa, mas não daria mais informações por medo de represálias.

 De posse das informações, a PM saiu em rastreamento, no intuito de localizar  o indivíduo apontado como um dos autores e, quando passavam pela rua Aramis Ribeiro, no Santo Antônio, a PM avistou dois indivíduos suspeitos, LTA e ASC,  no quintal de uma casa.  Os dois com as características descritas pela vítimas e são acostumados a andar com H, o autor que teria sido reconhecido pela vítima W. Os dois, L e A, disseram à PM, que assim que avistaram a viatura, H saiu em desabalada carreira, embrenhando no matagal nos fundos da residência e negaram que estivessem com H no assalto no lavador de batatas e afirmaram que estavam com em companhia de H desde mais cedo. H desapareceu. Os dois L e A foram apresentados à vítima W,  que não os reconheceu, dizendo que só teve contado com H. As demais vítimas não quiseram  tentar reconhecer os autores.