Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1783- 18 de junho de 2021

PM em ação

Edição n° 1329 - 28 Setembro 2012

Traficante é preso na porta de casa com meio quilo de crack

 

O jovem D.M.B. foi preso na quarta-feira, 26, por volta das 13h15, na rua Angelina Bernadelli, no Maria Rosa, com meio quilo de crack. 

A prisão se deu quando uma equipe de moto patrulha, composta pelos soldados Brito e Geraldo, realizavam patrulhamento pelo bairro,quando, ao passar pela rua depararam com o indivíduo já conhecido nos meios policiais pela pratica de tráfico de drogas em atitude suspeita. Ao ver os policiais, o suspeito jogou dois volumes grandes para dentro do quintal de sua residência. Entretanto, a PM observou que suas mãos estavam sujas de terra e havia um buraco num canteiro de árvore.

Foi solicitado apoio policial, o autor submetido a busca pessoal e ao serem realizadas buscas no quintal da residência, foram localizados os pacotes dispensados pelo autor e constatado que um dos volumes continha meio quilo de crack e no outro volume, uma balança de precisão. De acordo com a PM,dez gramas de crack rende 50 papelotes da droga, vendidos.

O autor assumiu a propriedade da droga, dizendo que era para venda e havia buscado na cidade de Uberlândia para revender em Sacramento, e que sempre utilizava seu Kadet para o transporte. De acordo com o BO, a Polícia Militar frequentemente recebia denúncias do autor preso, dando conta de que ele fornecia drogas para outros traficantes de Sacramento, porém, D.M.B. ainda não havia sido pego em flagrante delito. A esposa do autor confirmou que sabia da comercialização das drogas, porém alegou que nunca participou das transações.

 

Presidiário em condicional pode perder direito por denúncia caluniosa

 

M.T.A.M. registrou boletim de ocorrência contra W.B.M., que alegou que a vítima estaria pagando os moradores da rua São Sebastião, no bairro São Geraldo para afixar bandeira do partido em suas casas. W., que está em prisão condicional, disse que a  bolsa de M., com o dinheiro, estaria escondida no carro. Na bolsa, a PM encontrou apenas uma pequena quantia. Os envolvidos foram orientados a comparecer à DePol para os esclarecimentos. Sem mostrar nem apontar provas, M. representou contra W.  por denúncia caluniosa, que pode perder seu direito a condicional. 

A PM está atenta a outro tipo de crime eleitoral, a depredação contra propaganda eleitoral afixada na cidade, como outdoors, bandeiras e placas. Informa a assessoria de comunicação da PM que já tem nome do implicado, e com isso vem sendo feitorastreamento para lavrar o flagrante e prender o marginal.


Gol é furtado no bairro do Rosário

 

Dalcyr Vinícius Florêncio teve o seu VW GOL, placa CLY 1788/Sacramento MG, cor branca, furado na segunda-feira, 24, por volta das 22h, naav. Benedito Valadares, no Rosário. A vítima diz que estacionou o veículo e ausentou-se por algumas horas. Ao retornar, por volta das 22h30, notou que seu veículo havia sido furtado. 

De acordo com Dalcyr, havia pouco combustível e que no veículo estavasua carteira de couro preta contendo CNH, CRLV, R$ 40,00 (quarenta reais em dinheiro), além de documento de uma Motocicleta Honda Titan placa HGA 0256/Sacremento - MG de sua propriedade.

 

Monza incendiado

 

Um veiculo Monza que havia sido furtado no domingo, 23, no bairro do Rosário, foi localizado na quinta-feira, 27, por volta das 6h00 na estrada vicinal, sentido a estado de São Paulo, próximo à Usina Sacramento. O proprietário da fazenda na região acionou a PM informando que no local haviaum veículo queimado. De fato,a PM deparou com um veículo todo carbonizado. Através de pesquisa pelo nº da placa GMK 1682/Sacramento-MG,foi constatado que trata-se de um GM/MONZA, cor dourada, de propriedade da vítima, Willian Batista Malta.

A perícia técnica da Cidade de Araxá e o Guincho SOS Ribeiro foram acionados e o veículo removido ao pátio credenciado para futuras providências.

 

Autor preso após ameaça com arma 

 

Um homem foi preso no dia 21,por volta das 16h00,  no povoado Jaguara, por ameaça com arma de fogo. À PM, a vítima relatou que fora ameaçada de mortepelo autor V.J.B.,quando disse: "Vou lá em casa buscar minha espingarda para te matar". De posse das informações do autor e local onde ele estaria, a PM deslocou-se até o povoado da Jaguara, onde, após buscas na casa do autor, localizaram uma espingarda com coronha de madeira. O autor confessou ser o proprietário da arma sendo preso pela ameaça e posse irregular de arma de fogo e conduzido à Depol.