Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1771 - 26 de Março de 2021

Polícia em ação

Edição nº 1465 - 15 Maio 2015

BOs podem ser feitos via internet na Delegacia Virtual

A Delegacia Virtual é um serviço de solicitação de registros de ocorrência disponibilizado ao cidadão pela internet. Atualmente é possível solicitar o registro de ocorrência em casos de acidente de trânsito sem vítima; perda de documentos e objetos pessoais; pessoas desaparecidas; comunicação de pessoa desconhecida; comunicação de pessoa localizada,  além de danos simples.

De acordo com o comando da PM, para solicitar um registro de ocorrência pela Delegacia Virtual é preciso, no mínimo, fornecer as seguintes informações do solicitante: nome completo, documento de identidade, data de nascimento, escolaridade, sexo, estado civil, nacionalidade, endereço completo, telefone celular e e-mail. Os demais dados solicitados vão depender do tipo da ocorrência. É necessário fornecer um e-mail e telefone celular para confirmar a autoria do registro após a validação de preenchimento das informações da Solicitação de Registro de Ocorrência, visando evitar fraudes.

A solicitação será analisada por uma equipe da Delegacia Virtual e, assim que for validada, torna-se um Boletim de Ocorrência (BO) e possui o mesmo valor que um registro realizado presencialmente em uma Unidade Policial.

A solicitação de ocorrência pode ser realizada na Delegacia Virtual, pela internet, 24 horas por dia, através do site https://delegaciavirtual.sids.mg.gov.br

 

Aqueles que não têm computador ou que encontram dificuldades em seguir as orientações podem procurar pessoalmente o quartel da Polícia Militar ou a Delegacia de Polícia Civil. (184 CiaPM/Edna Almeida3ºSgt/Redação ET)

 

Homens presos por receptação

HRQS, 22, e WBS, 18, forma presos no dia 12, por volta das 17h, após denúncia anônima de que indivíduos estariam portando armas, drogas e uma moto produto de furto/roubo. Diante das denúncias, a PM seguiu para a fazenda Nova Suécia, onde avistaram dentro de um veículo os dois indivíduos. Ao perceber a viatura, H dispensou embaixo do banco, um invólucro plástico, contendo certa quantidade de uma substância triturada, que segundo o autor seria o caule da maconha. Nas buscas na residência dos autores, a PM encontrou  uma moto Honda Tornado, sem placa e com numeração raspada. Os autores foram conduzidos à Delegacia de Araxá. 


Trafico de drogas

LJB, pessoa conhecida no meio policial e que possui diversas denúncias de tráfico de drogas, acabou preso. A prisão se deu quando L estava acompanhado de  APA que, ao avista a viatura da PM,   jogou um invólucro branco no chão. Diante da fundada suspeita, os dois foram abordados e foram localizadas seis pedras de crack no invólucro que havia sido dispensado. A autora alegou ser usuária de drogas e que havia comprado apenas uma pedra para consumo.  Durante busca pessoal em L, a PM encontrou  R$ 150,00 no seu bolso e na sua  residência foram  encontrados no quarto do autor um celular e R$ 48,00 em dinheiro, além de resquícios de drogas. Diante dos fatos, foi-lhe dada voz de prisão pelo crime de tráfico de drogas.