Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº1733 - 26 de Junho de 2020

Lero Social

Edição nº 1727 - 15 de Maio de 2020

Lives solidárias animam semana

* O 1º de Maio em Sacramento sem a tradicional cavalgada e shows que marcam a Festa do Trabalhador transformou-se numa grande festa virtual e solidária que rendeu 2 toneladas de alimentos, material de limpeza e higiene pessoal destinados à Santa Casa, Casa Lar Doce Lar da Criança, 50 famílias carentes e Lar São Vicente de Paulo.  A canção sertaneja na bela voz de Vadim Violeiro, que esta semana esteve também apresentando-se na TV Aparecida, arrebanhou um grande público. A promoção foi da Comissão Organizadora da Cavalgada e da Festa do Trabalhador, presente na live, rogando a Deus pela cura dos infectados pelo novo coronavírus.

 

* A Banda Tio Song, formada pelo quarteto, Eduardo Raimundo (violão e voz), Murilo (violão), Muller Guimarães (bateria) e o vocalista Dárcio Rodrigues foi mais uma das lives que animaram a semana. A promoção foi dos parceiros, ACE e Salão Guilherme Barber & Beer, com o apoio da Prefeitura Municipal, Sicoob Sacramento e Laticínios Scala. Depois de quase quatro horas de boa música, a solidariedade foi muito bem compartilhada, rendendo R$ 4.645,00 e 2.100 máscaras, que serão destinados às famílias carentes da cidade.

 

* Os músicos, Dr. Claudinei,  Geraldo Lima e Geovani da Banda Reagent7 estiveram se apresentando no canal do youtube a partir das 17h do sábado 9, em live solidária apoiada pelos parceiros, Ivan Gomides que cedeu o espaço, Marcelo Alves do Santos e Joel (Mapa Drone), que fez a transmissão. O grupo arrecadou 20 cestas básicas, destinadas ao Lar São Vicente de Paulo e famílias carentes. 

 

* A'vakinha' online, do projeto, 'Juntos Fome Zero Sacra', criado por Alexandre Vaz e Alice Ribeiro, continua no ar através do link, https://www.vakinha.com.br/vaquinha/juntosfomezerosacra, para as doações que serão destinadas às famílias que vêm enfrentando dificuldades por conta dessa pandemia. 

 

 


OS 15 ANOS DE AMÁLIA

A jovem Amália Vieira Scalon dos Santos completa 15 anos neste domingo 17. E ciente e responsável pelas recomendações das autoridades sanitárias, nesse tempo de pandemia, vai comemorar a data em casa. Nem por isso vai sentir-se só, estará ao lado do carinho e amor de toda a família, os pais Marcos Aurélio dos Santos e Patrícia Vieira Scalon, e os irmãos, Juninho,João Vitor e Karol , e seu cunhado Gabriel.Vai ser uma festa de arromba para oito animados e festivos convivas. Mas aguardem. A festa prevista para este sábado 16, a partir das  22h, no Pacheco’ Buffet, com a banda Reagent 7 e Dj Marcelo de Pádua,  foi apenas adiada.Menina-moça doce, delicada, amorosa, responsável, a linda Amália adora crianças. Cursou o ensino fundamental na Escola Eurípedes Barsanulfo e Colégio Rousseau, e agora é estudante do 1º ano do ensino médio na Escola Coronel, preparando-se para a Universidade, nos cursos Psicologia ou Pedagogia. O nome Amália significa diligente, ativa, e os adjetivos lhe cabem direitinho, porque Amália não para. Após as aulas, ajuda em casa, trabalha,faz academia e pratica esportes. Agradecida pelo carinho da família, seu suporte diário, finaliza destacando que,  “fazer 15 anos é completar mais um ano de vida,  saber que estou crescendo, me tornando um pouco mais experiente que tenho muitos caminhos a descobrir e muitos  sonhos para realizar”.

 

ESCOLA CORONEL DOA LEITE EM PÓ 

Ciente de sua responsabilidade social, além da Educacional, já praticada há 87 anos, a EE Cel José Afonso de Almeida  reconhecendo o estado de calamidade pública decorrente da pandemia causada pela Covid-19 e cônscia das dificuldades enfrentadas pela população brasileira, devido à existência de alimentos perecíveis em estoque na Unidade Escolar, sob a orientação da Subsecretaria de Administração da SEE/MG, em 14/05/2020, a Escola Coronel fez a doação de leite em pó para as famílias de alunos cadastradas no Programa Bolsa Família. E, também, 200 Kg  do mesmo produto para o programa de arrecadação de alimentos da 184ª Cia da PMMG e TRE/MG cuja destinação também será às famílias necessitadas e  às instituições locais.