Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1737 - 24 de julho de 2020

Lero Social

Edição nº 1653 - 14 de Dezembro de 2018

Os belos 50 anos de Josy

Josilene Silva (Josy) comemorou seus belos 50 anos no dia 8 de dezembro, esbanjando beleza e juventude, numa animada festa ritmo Anos 60, no Curral Eventos,  ao lado do marido, Célio Nascimento;  da mãe, Luiza e dos irmãos, Salmir, Sinomar, Sônia, Solange, Jussara,  Jovana, Ana Cristina e Cristiane (fotos). E não faltaram amigos, todos vestidos a caráter para rememorar os belos Anos 60, ao som da dupla Liz e Jô. 

 Foram momentos memoráveis, mas também de saudades, emoções, surpresas e homenagens, essas vão ficar marcadas para sempre, como por exemplo a da família. “Comemorar aniversário já é uma data especial, mas estar completando 50 aninhos com toda essa beleza e juventude não é para qualquer um. Celebrar 50 anos não significa que passou meio século e que parte da vida já se foi, que está tarde demais para realizar seus sonhos. Pelo contrário! É hora de aproveitar mais ainda, celebrando os anos que passaram e os que estão por vir. Por isso, estamos aqui. Cada um, com certeza, tem na memória momentos compartilhados com Josy. Família é onde nossa história começa. Ter um irmão, irmã é ter para sempre uma infância lembrada com segurança em outro. Amigos são pessoas que escolhemos como irmãos para nos relacionarmos, dividir nossas alegrias, conquistas derrotas, fazendo com que nossa caminhada seja mais leve. (...). 

Então, olhe para trás e reveja as lições que aprendeu, os desafios que viveu e as histórias que você colecionou. Celebre hoje, Josy, irmã querida, não apenas um marco ou um novo ciclo, mas todas as lições, histórias e desafios colecionados até aqui. 

Celebre  a vida que já foi vivida e a vida que ainda te espera pela frente, que com certeza lhe reserva muitas alegrias, pois você é merecedora de tudo de melhor que a vida possa lhe oferecer”, saudou a irmã, Ana Cristina, entre lágrimas e afetos, representando a família e não se esquecendo da Escola Coronel: “Bem se diz que cada um compõe a sua história, mas nem todos conseguem marcar a própria vida e iluminar a vida daqueles que os rodeiam. Você, Josy, sempre foi fonte de luz para a Família Coronel. Que Deus a abençoe com Sua infinita luz!”. 

 

PATTY BUZATTI

 

Tia Diomira apresenta a sobrinha Patty Buzatti

A jovem Patty Buzatti está arrebentando com um vídeo no youtube, onde apresenta a música 'Love in the Brain', de Rihanna. A gravação do DVD é do Musicalizando 2018,  do Centro Educacional Musical, de Uberaba, que oferece dentre outros cursos, o de canto. 

E a titia Diomira Mendonça, fã incondicional de Elvis Presley, desde aqueles belos e bons tempos d'Os Tremendões, onde tocava e cantava, na maior corujice, tratou logo de apresentar a sobrinha, dona de uma bela voz. “Minha sobrinha que está fazendo aula de canto! Sua primeira apresentação ao vivo...!” De acordo com Diomira, Patty Buzatti (Patrícia Helena Lopes de Mendonça Buzatti) é neta de seu irmão mais velho, Aparício, radicado há muitos anos em Uberaba. “Patty completou 19 anos, vai cursar Psicologia, mas o sonho dela é seguir carreira na música e a família dá a maior força.  Sou uma tia coruja, fico emocionada, primeiro porque é minha sobrinha, segundo porque eu gosto muito de música e sempre sonhei ser cantora, mas não pude realizar meu sonho, a não ser cantando nas bandas com meus irmãos nos anos 60 e 70  e torço para que ela realize o seu sonho”. E Patty Buzatti tem a quem puxar. A música faz parte da família de seu avô, os irmãos Mendonça em Sacramento, Josué, Wagner, Diomira.

 

MARIA DALVA

Até agora o destaque no Copão B é a equipe da Borracharia Robert, que é comandada pela primeira técnica a comandar uma equipe masculina, Maria Dalva Gobbo, que comemorou sua primeira vitória aos pulos na quadra, revelando a responsabilidade de ser uma técnica.

“Nestes meus 55 anos, estar com essa rapaziada no esporte é uma alegria   e uma diversão. Estamos competindo, não importa se ganha ou perca, o importante é participar do Copão”. De acordo com Maria Dalva, que é mãe do goleiro Allyson Donizete Borges, o time é da cidade, porque tem integrantes de vários bairros  e revela que o convite para dirigir a equipe veio de Robert, proprietário da borracharia  e promete: “Vamos jogar com garra, determinação, lutar para vencer!”.