Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1783- 18 de junho de 2021

Lero Social

Edição nº 1436 - 17 Outubro 2014

PARABÉNS ESPECIAL

O parabéns especial vai para Gabriela Araújo que fez níver no último dia 10. A festiva data foi comemorada com uma deliciosa feijoada, a 'Feijoada da Gabi', que  driblou o calorzão, com a animação dos familiares e amigos que curtiram a beça o encontro com a aniversariante. Parabéns! 

 

CHORINHO NOVO

Bem-vindos Enzo, Isabelle, Rychard, Lavínia, Indianara, Eloáh, Henzzo, Sofia, Manuela e Beatriz, babies  que chegaram cheios de bênçãos e esperanças. Dia 7. Isabelle Sophya,  filha de Samuel Dias de Oliveira e de Anna Barbara Assis de Miranda. Indianara,  filha de Francisco das Chagas Rodrigues Alves e de Gisele Florêncio Santos. Henzzo,  filho de Carlos Seribeli Baltazar e de Antonia Donizete Pereira. Dia 8. Enzo,  filho de Vinicius Montanari de Lourdes e de Suzana Cardoso dos Reis Montanari.

Dia 9. Rychard Eduardo,  filho de Thiago Ferreira do Nascimento e de Marília da Silva. Lavínia Luiza,  filha de Lucas Diego de Araujo e de Mariara Carolina Marques da Silva.

Dia 10. Eloáh,  filha de Mariano Vicente do Nascimento e de Edilaine Abadia Cardoso. Dia 12. Sophia Luisa  filha de Reginaldo dos Santos e de Dayane Cristina Santana.

Dia 13.  Manuela,  filha de Wesley Gomes de Faria e de Thalia Oliveira Garcia. Dia 14. Beatriz,  filha de Alex da Silva Rodrigues e de Tainara Ramos Coelho. Jonas Marcos,  filho de João Marcos Batista e de Nayara Cristina Silva.


MELO PROENÇA

Adquirindo maioridade, a Melo Proença Corretora de Seguros completa 21 anos inaugurando um novo espaço de atendimento na cidade. 

‘‘É um prazer e uma grande honra para nós da Melo Proença seguros, oferecer serviços que atendam suas necessidades e garantem mais proteção para você e seus familiares. Tenham a certeza de que seu seguro convive em parceria com as maiores e mais destacada entidades seguradoras do país, o que lhe confere grande garantia, solidez e muito tranqüilidade’’, afirmou Josué Proença, ao lado da esposa Giselda, e filhos, na inauguração na tarde do último Sábado, 11.

 

III COSTELÃO

Feliz com o resultado do III Costelão promovido pela Pastoral Familiar da Paróquia do Santíssimo Sacramento, o pároco Pe. Sérgio Márcio de Oliveira já anunciou, ao final do evento, o IV Costelão para 19 de setembro do próximo ano. 

Realizado no último sábado, no Parque de Exposições Hugo Rodrigues da Cunha, o III Costelão levou ao parque centenas de famílias para apreciar a fartura de 38 costelões assados na brasa, uma especialidade matogrossense, que teve como mestres cozinheiros de Tabapuã (SP). Acompanhando o prato principal muit mandioca cozida, pãozinho francês, farofa e vinagrete. Delícia!! 

O êxito do evento é sempre dividido entre os casais da pastoral familiar, que se divide nas mais diversas tarefas dentro do parque. Além da alegria em compartilhar aquela ação social, os casais também se divertem apreciando a boa comida e a boa bebida.

Agradecendo a participação de todos, casais que ajudaram e ao público presente, Pe. Sérgio avaliou como muito positivo o evento. 

‘- ‘Foi muito bom e por ser bom nas duas primeiras edições já caiu na graça do povo, por isso foram vendidos todos os ingressos. Foi muito positivo pelo envolvimento da pastoral familiar, da participação da comunidade e pela ação social realizada com o resultado da festa: 40% para uma entidade assistencial da cidade, este ano a CIJU, e o restante dividido entre as ações evangelizadoras da pastoral e a Paróquia, que este ano vai empregar a sua parte na instalação de um sistema de segurança na Igreja Matriz do Santíssimo Sacramento. 

Para o casal coordenador da Pastoral Familiar, Wantuil Marinho Fróis e Arlete Manzan Frois, o evento alcançou um sucesso total graças ao envolvimento de todos. ‘‘Agradecemos de coração’’ - disseram, fazendo um agradecimento especial aos três experts que trabalharam desde madrugada para assar a carne: Dorival Martins da Silva e seu filho Guilherme, e Anderson Vasques.

De acordo com os tesoureiros da festa, o resultado parcial do III Costelão superou os dois primeiros, mais de R$ 20 mil.