Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1727 - 15 de Maio de 2020

UNESER adia encontro de ex-seminaristas em Sacramento

Edição nº 1725 - 1º de Maio de 2020

O III Encontro Regional de Ex-Seminaristas Redentoristas (Ereser), que reúne, anuamente, em Sacramento estudantes que passaram pelo Seminário Santíssimo Redentor, de 1959 a 1990, previsto para ser realizado entre os dia 24 a 26 de abril, foi adiado, atendendo às medidas de prevenção contra o novo Coronavírus. 

O III Encontro Regional de Ex-Seminaristas Redentoristas (Ereser), que seria realizado em Sacramento entre os dias dia 24 a 26 de abril, foi adiado, atendendo às medidas de prevenção contra o novo Coronavírus. O encontro anual reúne os estudantes que passaram pelo Seminário Santíssimo Redentor de 1959 a 1990, onde hoje funciona o Centro de Assistência Social Pe Antônio Borges de Souza. 

Conforme comunicado da União Nacional dos ex-Seminaristas Redentoristas (Uneser) a equipe organizadora do encontro avaliou a conjuntura atual ocasionada pela pandemia da Covid 19, ponderando qual seria o encaminhamento mais adequado a seguir. Levando-se em conta a prudência, a cooperação com o necessário isolamento social e o respeito à vida, a equipe organizadora optou por adiar o encontro.

De acordo com a Uneser, os encontros de Ex-Seminaristas Redentoristas, tanto o Encontro nacional, realizado em julho em Aparecida, como  os demais encontros regionais têm diversos objetivos, dentre eles  reviver os bons tempos de seminário, com festa e alegria; avaliar como está a  relação com o Deus da Vida, por meio de reflexão e oração;  olhar o futuro, avaliando como encarnar e viver o carisma redentorista deixado por Afonso de Ligório, de levar a copiosa redenção, principalmente aos mais pobres e abandonados. 

“Pode-se observar isso tudo nos Encontros realizados, pela festa da confraternização, pela alegre convivência, pelo reencontro com antigos amigos de seminário, pela recordação dos fatos vivenciados, pelos momentos de oração, pela reflexão sobre o carisma redentorista e sua vivência nos dias atuais”, afirmam os diretores do Uniser, Vicente de Paula Alves e Luiz Silvério Silva, justificando que, não foi possível realizar o encontro  em Sacramento. “Mas mesmo sem o encontro presencial, ocorreu uma intensa intercomunicação entre os ex-seminaristas e pessoas que participariam do encontro”, informou Vicente de Paula.