Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1771 - 26 de Março de 2021

Esporte Local

Edição nº 1406 - 21 Março 2014

A bola rola todos os domingos no Amadorão

Iniciou no último domingo, 16, o Campeonato Municipal de Futebol Amador, o Amadorão, disputado este ano por treze equipes distribuídas em duas chaves.  Pela chave A, as equipes:  Areão,  Treze de Maio B, Marianos, Vila Nova, Tesoura de Ouro  e São Geraldo. Na chave B, estão as equipes: Treze de Maio A, Vila dos Anjos, PFC, Usina Sacramento, União, URP e Clube Atlético Sacramentano/Visafi (CAS). 

Quatro jogos abriram o campeonato no domingo, (16).  No  Estádio Juvêncio Bizinoto (Perpétuo Socorro), o Marianos goleou o Vila Nova por 9x0 e, o Areião, campeão de 2013, venceu por 5 x 2 o Treze de Maio B.  No estádio João Cordeiro, PFC saiu  na frente ao vencer a equipe União por 5 x 2, e, os donos da casa, o CAS goleou a URP por 7 x 2. 

 

Neste domingo (23) jogam no estádio Luiz Magnabosco (Marianos), às 8h30: São Geraldo x Vila Novo e às 10h30, Marianos x Tesoura de Ouro; no estádio José Sebasitião de Almeida (13 de Maio), jogam á 8h30, Usina Sacramento x Vila dos  Anjos e às 10h30, 13 de Maio A x União. 

 

URS Karatê no Mineiro

A União Recreativa Sacramentana (URS) modalidade Karatê participou entre os dias 14 e  16 de março,  do Campeonato Mineiro oficial e seletiva para formação da seleção mineira para a disputa do Campeonato brasileiro e curso de arbitragem do novo regulamento 2014 e também credenciamento de técnicos e delegados para atuarem esse ano, no Campeonato Mineiro. 

Pela URS estivram presentes os  integrantes do Karatê sacramentano, professor  Alexandre da Costa Guissoni, Adilson Fernandes e André Luís. Na disputa, Alexandre Guissoni, confessando-se muito feliz com sua colocação no evento, pois vinha de uma lesão há seis meses,  ficou com o  3°  lugar no Kumitê  ( luta ) e 4°, no Kata. Com esse resultado,  Alexandre foi convocado para a formação da seleção mineira como atleta para a participação no Campeonato Brasileiro de Karatê 2014, no mês de julho.  

 

“- Agora, é trabalhar junto à equipe da URS e o secretário Fabrício para os próximos eventos que vêm e levar um número maior de atletas e,  pegar firme nos treinos para ver se conseguimos melhor resultado, uma vez que o Brasileiro é um Campeonato muito difícil”, afirma.