Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1771 - 26 de Março de 2021

Belíssima/Branco’s Bar é tetracampeã do Copão de Férias

Edição nº 1347 - 01 Fevereiro 2013

WBM é o campeão do Copão de Férias  infantil; Padrão Madeiras, do feminino

 

A equipe de futsal, Belíssima Branco´s Bar, sagrou-se tetracampeã do Copão de Férias, na última sexta-feira, 25, após  vencer a equipe  Servipeças por 2 x 1.  Inimigos da Bola (IDB) ficou com a terceira colocação ao vencer a equipe Circuito por 9x7. Comandada pelo técnico Fernando Martins, a Belíssima fez juz ao título com os atletas: Leandro Martins, Danilo Cristiano, Leandro Alexandre, Abinael da Silva, Bruno Junqueira, Helber Henrique, Leonel Santos, Gabriel Borges, Julliender Batista dos Reis (atleta revelação), Valdeir Júnior, Leonardo Costa, Ortely Rezende.

A vice-campeã, Servipeças, comandada por Murilo Oliveira, jogou com Cleidimar Ribeiro, Rogério Barcelos, Sílvio Almeida, José Cassimiro Neto, Manoel Santos, Douglas Wender, Rodrigo Barcelos (o artilheiro do Copão, com 15 gols), Gustavo Sudário, Diego de Lourdes, Dion Eufràsio, Micel Bráz, Jean Rodrigo. O treinador é Murilo Oliveira. 

No Copão de Férias, categoria feminino, a equipe Padrão Madeiras sagrou-se campeã depois de vencer a 100% Cohab por 3x2. O time das campeãs, que teve como técnica, Juliana de Souza, conquistou o título com as atletas, Mônica Aparecida, Juliana Furlan, Bruna Jerônimo, Brenda Aparecida, Ana Claudia Izidoro, Layandra Aparecida, Fabiana Mendes, Poliane de Freitas e Josiely de Oliveira. 

A equipe de Lorena Machado, 100% Cohab, foi vice com as atletas, Jaqueline Vieira, Ana Carolina Izidoro, Joyce Almeida (artilheira com 9 gols), Ana Karolina Magnabosco, Vivian Souza, Valdirene Cristina, Ana Claudia Melo, Tatlita Fernanda, Thaynara  Resende e Jeneka Soares. 

No infantil, a meninada do WBM sagrou-se campeã com goleada, 7x1 em cima da equipe XIII de Maio. WBM fez também o artilheiro, Igor Euzébio, com 16 gols. Os campeões, treinados por Matheus Santana, jogaram com Josivan da Silva, Osmar Alves, Yuri Vinícius, Caio Malta, Vinícius Bandeira, Igor Euzébio, Marco Túlio, Vanildo Henrique, Warley Brito, Pedro Augusto, José Alan. A XIII de maio, treinada por  Patrick Luan, disputou  com João Vitor Fonseca, Sataylor Oliveira, Mikhael Santana, Alexandre Eduardo, Bruno Vaz, Cleomar Inácio Júnior, Vinícius Marques, Felipe Eduardo, Bruno Henrique e Leonardo Pereira. 

Copão de Férias tem briga nas quartas de final e pune atletas com  várias expulsões 
Em meio a tanta goleada no Copão de Férias, diversão e bons espetáculos no Marquezinho, infelizmente, o público registrou também cenas de violência no jogo entre TJ-P e IDB. Tudo começou quando um atleta do TJ-P, durante jogo nas quartas de final, partiu, aviltantemente, para cima do juiz uberabense, Paulo César, dando-lhe uma cabeçada e um chute. Imediatamente, o árbitro revidou à agressão e os demais jogadores do TJ-P entraram também na briga, com chutes e socos. Acalmados os ânimos, o jogo foi encerrado com o placar marcando IDB 4x2 TJ-P. 
Segundo informações da torcida, não havia seguranças no Ginásio Marquezinho. Nos demais jogos, semifinal e final, a segurança foi providenciada. Atletas e dirigentes envolvidos na confusão tiveram punições, que variam de acordo com o tipo de envolvimento na confusão, conforme divulgou na sexta-feira, 25, a organização do evento. 
Para a tradicional equipe do TJ-P foi uma vergonha, pois sete pessoas, entre atletas e dirigentes – isso mesmo, dirigentes - receberam punição severa, suspensões que variam de 180 a 480 dias, de acordo com o regulamento e não poderão participar de nenhuma competição promovida pela Secretaria Municipal de Esportes.
Foram punidos: Nairon Eurípedes Bonette da Silva (auxiliar técnico), suspenso 211 dias, no período de  23/01/13 à 21/08/13;  Cássio Rezende de Moura (Técnico) suspenso 180 dias a contar de 23/01/2013 a 21/07/13; Paulo Roberto Sudário Filho, Rodrigo Mendonça Jerônimo  e Paulo Henrique Bonette, suspensos 370 dias, no período de  23/01/13 à 27/01/14); José Elias Gonçalves de Paula e  Clarkson Leandro Pereira Oliveira, suspensos  480 dias, no período de  23/01/13 à 18/05/14.