Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1754 - 27 de Novembro de 2020

Esporte Local

Edição nº 1213 - 09 Julho 2010

Truco “Direito de Viver” reúne 16 duplas

 

Dezesseis duplas de truqueiros movimentaram a área de lazer de José Ezequiel Dantas, Dedé, durante um mês, para participar do I Torneio de Truco 'Direito de Viver', com toda a renda revertida para o Hospital do Câncer de Barretos. A grande final, na última segunda-feira, 5, reuniu as quatro melhores duplas que disputaram o título, com o seguinte resultado:

1º lugar: Solimar e Arlésio

2º lugar Dinga e Tripa 

3º lugar: Zé Helio e Leonardo

4º lugar: Jair e Pipa

Satisfeito com a participação e animação das duplas, o idealizador do torneio fala. “Essa é uma forma de os amigos jogarem e de ajudarmos o hospital do câncer. Dezesseis duplas participaram do torneio e quatro duplas pagaram para ajudar o hospital, mas não participaram. Qualquer coisa que entra para o hospital é uma ajuda. E para mim, o importante foi essa adesão, a dedicação do pessoal. No dia que começamos o torneio estava friíssimo, fazia oito graus. Era muito frio, por isso agradeço a todos, principalmente ao Ildeu, que coordenou o torneio”, disse Dedé, agradecendo também as empresas patrocinadoras dos evento. 

 

Bom truqueiro tem que ser inteligente

 

Ildeu Amaral, 70, truqueiro  há 25 anos, acumula 52 troféus, coordenou o torneio, por isso não pode disputar, mas fala de sua paixão pelo jogo. “Meu pai, Zé Baiano (José Felício Amaral) era  truqueiro. Eu era criança e ficava assistindo aos jogos. E logo que fui crescendo papai já me pôs na mesa também e nunca mais parei. Depois comecei a participar dos torneios”, conta, revelando o segredo do bom truqueiro: “Inteligência e respeito ao adversário, essas são as duas coisas essenciais. Mas eu já perdi muitas, já perdi a conta de quantos torneios participei, mas perdi mais ou menos  20 torneios”, disse. 

Questionado se já ganhou dinheiro com truco é categórico em responder: “Nunca joguei por dinheiro, jogo pela diversão e pelos amigos. Ganhei muitos amigos no truco. A gente vê a pessoa na rua, conhece, mas nem sabe quem é, às vezes nem cumprimenta, de repente a gente vai para a mesa de truco e vira amigo. A gente passa a ter assunto, ganha amigo. Isso aqui pra nós é um lazer, que vale muito a pena”. 

Ultimamente Ildeu abandonou a mesa, fica mais na coordenação dos torneio. Mas  ao longo desses 25 anos, formou duplas com seis amigos. “Meu último e mais recente parceiro é o Alfredo Bizinoto, mas durante todo esse tempo ganhei  troféus com seis duplas diferentes, como o João Diogo, Jeromim, o Fausto fotografo, o Fiim da Pernambucanas e o Antônio João.

Os irmãos Solimar, 40 e Arlésio Antunes Alves, 34, jogam juntos há 11 anos, quando foram  campeões do Torneio Municipal. “Temos dois campeonatos municipais e mais uns 10 troféus de torneios, mas um dia vamos chegar aos 52  troféus do Ildeu e aos quase 70 do Zé Hélio. Nós aprendemos a jogar com papai, Antonio Antunes Alves, depois fomos treinando com o Zé Hélio e o Ildeu”, dizem.

Outro grande campeão entre as duplas é o leiteiro Zé Helio, 61, que fala elogiando a dupla de irmãos.  “Esses meninos já são  professores, já estão batendo a gente. Ver esses meninos jogando, pra mim, é uma satisfação. Isso é uma coisa linda que a gente vê, eles estão mantendo a tradição. Fico feliz por vê-los ganhar, inclusive de mim”, incentiva.

Zé Hélio aproveita para corrigir uma informação dada ao ET. “Eu quero aproveitar para agradecer a cobertura que o jornal ET sempre dá aos nossos torneios e corrigir uma informação que passei prá vocês há algum tempo. Numa outra reportagem, eu disse a vocês que eu já havia acumulado 79 troféus, aí cheguei em casa fui conferir, eram só 68. Estou falando isso porque a gente não pode mentir. Hoje completo 69 troféus, estou treinando o  meu sobrinho, joguei com ele e completo hoje essa quantidade. 

Os irmãos Solimar e Arlésio nunca disputaram entre si, nenhum dos dois sabe quem é o melhor. “Uma hora vamos jogar um contra o outro pra ver quem é o mais forte”, dizem entre a gargalhada dos companheiros. 

Na entrega dos troféus aos irmãos, Zé Helio agradeceu ao idealizador Dedé e ao coordenador Ildeu. “Tenho que agradecer, porque a gente sente saúde de um torneio. Antes havia muitos, mas agora está parado, o Dedé teve a ideia e fez um belo torneio e costumo dizer que quando o Ildeu está dentro de uma sujeira, fica uma sujeira boa”, declara, arrancando risos dos companheiros e conclui: “A gente está cansado, está ficando velho, mas essa é a nossa diversão”. 

Paralelo ao torneio principal, é realizado outro  torneio com aqueles que vão sendo desclassificados. Os vencedores desse torneio paralelo  foram Dedé e Milton. 

De acordo com os truqueiros, Sacramento deve ter mais  de 100 jogadores de truco e sonham um dia reunir todos num torneio. “É difícil reunir todos, mas seria bom reunir todos num torneio”, dizem. 

 

Várias equipes lideram Amadorão

 

Seis jogos marcaram o domingo 4, na quarta rodada do Campeonato Municipal de Futebol Amador; Confira os resutlados da rodada:

Chave A: Chafariz/Circuito 1 X 2 Areião/Tesoura Ouro; Atlético 1 X 0 AABB

Chave B: 100% Cohab/Art Minas 2 X 1 Vila Nova; 13 de Maio 3 X 0 Newls Old Boys

Chave C: Costrutora CEM 3 X 0 Vila dos Anjos; Sak´s 1 X 1 Marianos.

Francismar (AABB) continua liderando como artilheiro com 8 gols, seguido por Leandro de Paula (100%Cohab/Art Minas) com 4 e Vagner Melo (Scala) e e José Brigagão (13 de Maio), ambos com 3 gols. 

Faltando apenas duas rodadas para encerrar a primeira fase (jogos dos dias 11 e 18), na chave A,  o Atlético lidera a classificação invicto com 9 pontos em 3 jogos, um a menos que a AABB, que tem 7 pontos em 4 jogos com 2 vitórias um empate e 1 derrota. Areião/Tesoura de Ouro, tem 4 pontos em três jogos (1 viória, 1 empate e 1 derrota)  Chafariz/Circuito e São Geraldo têm 2 jogos e duas derrotas. 

Na chave B, as equipes 100% Cohab/Art Minas e Scala, estão invictas e empatadas com 6 pontos em 2 partidas, contra 4 pontos da 3ª colocada, 13 de Maio, com 4 pontos em 3 jogos com 1 vitória, 1 empate e 1 derrota. Vila Nova tem 1 ponto em dois jogos. News Old Boys já fez 3 jogos com 3 .  

A Construtora CEM lidera a chave C com 8 gols em 4 jogos com 2 vitórias e 2 empates. Em segundo lugar a Livraria Brás Cubas, com 4 pontos em 2 jogos com 1 vitória e 1 empate; Vila dos anjos com 3 pontos em 2 jogos com 1 vitória e 1 empate e a equipe da Sak´s tem 2 pontos em dois jogos empatados e o azulão Marianos tem 1 ponto em 3 jogos com 1 empate e 2 derrotas.

Neste domingo, 11, mais cinco jogos:

8h45 - Areia/Tesoura de Ouro x Sao Geraldo; 10h30,Atletico x Chafariz/Circuito

8h45,  Scala X Vila Nova

10h30, 100% Cohab/Art Minas X 13 de Maio

8h45,  Vila dos Anjos X Livraria Brás Cubas. 

 

Ruralão 2010

 

Mais uma vez a equipe de Sete Voltas venceu de goleada, 6 x 0,  contra a equipe da Fazenda Boa Vista. 

Jaguarinha venceu a equipe do Desemboque por 2 X 0.

Neste domingo, 11, dia da final da Copa do Mundo,  não haverá rodada do Ruralão, a próxima rodada acontecerá no dia 18, na comunidade da Divisa:

13:30 horas - Divisa  X  Sete Voltas

15:30 horas - Boa Vista  X  Jaguarinha

 

Sacramentanos são campeões no  xadrez e atletismo na fase regional dos JEMG

 

O jovem Warlon Lincoln Nascimento Rosa, da Escola Estadual Sinhá Borges sagrou-se campeão de Xadrez na etapa regional dos Jogos Escolares de Minas Gerais – JEMG, realizada em Uberaba entre os dias 29 de junho a 3 de julho. 

No atletismo, Angela Cunha Ribeiro, aluna da EM Dona Maria Sant'Ana, do Quenta Sol, conquistou  a medalha de ouro no salto em distância e medalha de bronze nos 200 metros rasos. Warlon e Angela se preparam  agora para a etapa estadual que acontecerá em agosto, em Patos de Minas.

Além de Warlon e Ângela, a cidade foi representada também pelos atletas do basquete do Colégio Rousseau treinados pelo Prof. Geraldo Majela Carvalho e a equipe de vôlei da Escola Coronel, treinada pela Profa. Maria Tereza Silvério. Ambas as equipes foram derrotadas. 

Classificaram-se para a etapa final, no basquete II, os colégios Sistema Ápice de Ensino, de Uberlândia e o Marista, de Patos de Minas . No vôlei I classificaram-se as escolas Sebastião Dias, de Tupaciguara e Padre João Balker, de Perdizes. 

 

A consagração de Warlon

 

O aluno Warlon Nascimento, que foi recebido com festa pela sua escola e pela secretaria de Esportes, na última sexta-feira, 2, sagrou-se campeão após vencer  as quatro primeiras partidas, com os  adversários Ícaro Manoel Queirós, de Ituiutaba; Gabriel Nunes Siqueira, de Uberaba, Gustavo Vieira Soares e Marc Sué Pires, ambos de Ituiutaba. Participaram da modalidade Xadrez, 98 atletas, de 14 cidades. Pelo  regulamento, a escola que somasse o maior número de pontos, independente do número de atletas também receberia o troféu de campeã, Warlon sozinho conquistou treze pontos, enquanto que o segundo colocado empatou em número de pontos usando três atletas. Observando o regulamento, a arbitragem considerou como critério desempate o melhor índice técnico, sendo assim, também a EE Sinhana Borges levou o troféu de campeã.


Os elogios do CSXD

 

E quem ficou deveras envaidecido com a vitória de Warlon Lyncon Nascimento Rosa foi o Clube Sacramentano de Xadrez e Damas, onde Warlon joga e participa de campeonatos e onde tudo começou. O reconhecimento do clube já consolidara-se em nível de estado com a participação na arbitragem já na etapa microrregional e, agora, coroa de êxitos com a vitória do jovem Warlon.  

O enxadrista do clube sacramentano,  Gilberto Cardoso, foi o árbitro das partidas no JEMG em Uberaba. “Apesar de estar na arbitragem não deixei de observar o desempenho de nosso campeão Warlon. Quando fui numerar as mesas, o vi em pé esperando a saída do emparceiramento da 1ª rodada, falei pra ele ficar calmo, porque a ansiedade atrapalha muito o desempenho numa competição.  Deixe só os outros atletas ficarem ansiosos”, contou,  lembrando que o aluno assentou-se e ficou mais calmo. 

Prosseguindo, Gilberto, contou mais: “Então brinquei com ele: Esperando a primeira vítima? Outro participante escutou e falou: 'Se falou isso para aquele menino, ele deve ser fera!' ”.

Segundo Gilberto  Warlon Lyncon recebeu medalha de ouro por ser o melhor enxadrista dos JEMG  na Regional Triângulo no Módulo II. “Temos excelentes enxadristas nas escolas de Sacramento e a EE Sinhana Borges está de parabéns por enxergar esse fato e acabou recompensada por um troféu, que além de muito bonito, é inédito” disse.