Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1771 - 26 de Março de 2021

Mariú Cerchi lança livro de contos: “Nos passos da vida”

Edição nº 1450 - 30 Janeiro 2015

A sacramentana Mariú Cerchi Borges (foto) acaba de lançar o seu livro “Nos passos da vida”, que rendeu um belo comentário da articulista Shyrley Pimenta, na coluna Ponto de Vista, do jornal Correio de Uberlândia. A obra é na verdade um livro de contos, que na avaliação de Pimenta, “é ameno, pleno de sabores e cheiros, que a gente lê de um fôlego. (...), ficamos conhecendo as personagens, seus dramas humanos, comoventes, e tão semelhantes aos nossos, homens e mulheres comuns: há o seu Luís, que se despede da família, dos amigos e da vida em grande e inusitado estilo, ao comemorar a própria festa de aniversário. (...) O Turcão, amante dos prazeres, bom “vivant” que troca, sem nenhum pudor, a esposa gorda, hipocondríaca, baixinha e feia pela sobrinha, um furacão entusiástico, cheia de vigor, charme, energia, sedução... (...) 

E não faltam os quintais mágicos da infância: cheios de sombra, de frutos, de lembranças e brincadeiras tradicionais que, infelizmente, a tecnologia moderna teima em enterrar de vez. O reencontro de amigos de longa data, as marcas deixadas pelo tempo, pelas vicissitudes da vida: morte, separação, tristeza…” afirma Shirley e finaliza,  “Prezado leitor, o livro tem 'borogodó'. Confira! Parabéns, Mariù!”.  O comentário da articulista, na íntegra, está disponível no link: www.correiodeuberlandia.com.br/colunas/pontodevista/nos-passos-da-vida/​

Mariú Cerchi Borges é  sacramentana, filha de Ettore Cerchi e Conceta Lenza Cerchi (de saudosas memórias) e que  passou boa parte de sua vida em Sacramento, onde estudou até concluir o Magistério na Escola Coronel. Mais tarde graduou-se em Pedagogia pela Filosofia Ciências e Letras Santo Tomás de Aquino de Uberaba – Fista, onde habilitou-se em Orientação Educacional. Mariú cursou ainda  Metodologia do Ensino Superior,  na UFRGS e  especializou-se em Psicodrama Pedagógico pela SOBRAP - Sociedade Brasileira  de Psicoterapia, Dinâmica de Grupo e Psicodrama. 

Retornando a Sacramento,  assumiu as aulas de Psicologia da Educação,  no Curso de Formação de Professores (Normal) e no curso Ginasial, com as aulas de História do Brasil. Em 1962, mudou-se para Uberlândia, continuou no Magistério em diversos colégios tanto da rede estadual quanto privada. Foi também professora na UFU, nas Faculdades de Filosofia, de Artes e de Ciências Econômicas, chegando a exercer a função de orientadora psico-pedagógica na DIVOP (Divisão de Orientação Psicopedagógica), na Universidade. Vez ou outra, Mariú nos brindou também com algumas de suas belas crônicas. 

Com a garra herdada dos pais italianos, Mariú foi incansável na vida educacional,  destacando-se inclusive como palestrante. Pelo seu trabalho na educação, Mariú foi agraciada com várias medalhas de mérito, uma delas a Medalha da Inconfidência, em 2010. 

Mariú é viúva de  Saulo Humberto Borges, pais de três filhos: Caprice Maria, Saulo Humberto e Maruzza Tereza.