Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1727 - 15 de Maio de 2020

Os 50 anos do Posto Santo Antonio

Edição nº 1725 - 1º de Maio de 2020

O Posto Santo Antônio comemorou nessa segunda-feira 27 as suas 'bodas de ouro', 50 anos de relevantes serviços prestados à cidade. E a 'festa' teve lugar na unidade 1, inaugurada em 1970. Como determinam os decretos, não houve aglomeração, apenas uns poucos clientes e amigos, que resguardaram a distância necessária, mas a data não poderia passar em branco. 

Para Jaime Eduardo de Araújo, empresário fundador do Posto, em sociedade com o cunhado Luiz Magnabosco, a data é significativa e importante. “Estou muito feliz por atingir esta marca frente a empresa, que começou timidamente comigo e meu sócio, Luizinho Magnabosco. Foi uma sociedade muito saudável. Ele saiu e eu segui firme e hoje só posso agradecer a Deus e a todos que me ajudaram, afinal ninguém faz nada sozinho, agradecer à   minha equipe e a meus clientes. O que seria do posto, não fossem os clientes? Sinto-me realizado. Só sinto alegria, vejo como uma data significativa e importante. Agora é continuar enquanto Deus permitir. A Deus o futuro pertence”, afirmou em entrevista ao ET na manhã do aniversário, na plataforma de abastecimento do Posto Santo Antônio I.

Para Jaime as perspectivas de um futuro próximo não são muito boas, mas quer continuar oferecendo o melhor serviço aos clientes. “Quero continuar atendendo minha clientela, oferecendo o melhor para todos. A situação agora não permite muitos planos por conta desta instabilidade, mas confio em Deus, espero que esta pandemia passe logo e, enquanto isso, temos que enfrentar os desafios. Peço a Deus que continue me abençoando. Temos que ser otimistas. E assim que as coisas engrenarem veremos o que virá de novo”, destacou.  

Para comemorar a data, o Posto Santo Antônio está com a distribuição de brindes, raspadinhas e cupons, tudo muito bem coordenado pelo gerente Celso Almeida, o filho Maurílio Araújo e funcionários, nessa ausência de Jaime Eduardo, que cumpre as medidas de quarentena por conta da idade, conforme revelou ao ET.  

“Estou em casa, seguindo todas as recomendações das unidades de saúde, deixando o Posto sob a responsabilidade do gerente e funcionários, mas que também cumprem o protocolo exigido pelas autoridades sanitárias e pela própria Petrobras, como o uso dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) distanciamento social, álcool gel, enfim, todas as medidas de segurança estão sendo cumpridas. Estou passando dois, três dias sem vir ao Posto, e quando venho sequer entro na minha sala. Aliás, somos dois, eu e outro funcionário acima de 60 anos cumprindo a quarentena. Os demais, todos trabalhando dentro das normas”. 

Para Celso Almeida que tem com a empresa e com o empresário uma relação profissional e fraterna há 41 anos, Jaime é um herói. “Empresário sério, competente, responsável que soube nesse cinquentenário construir uma empresa que hoje é orgulho de Sacramento, sem nenhuma falsa modéstia. Falo isso de cátedra, pois minha convivência com ele durante todos esses anos me permite dizer isso. Muito além de um empresário, Jaime Eduardo de Araújo é um cidadão honrado por todos devido, não apenas à sua íntegra posição como empresário, mas também a sua dedicação à cidade, às obras sociais e filantrópicas que temos aqui, tendo inclusive presidido várias delas. Fiel com as recomendações das autoridades de Saúde que estão à frente dessa pandemia, Jaime continua administrando o Posto recolhido a uma quarentena, porque a situação é muito séria. Mas se Deus quiser, num futuro breve, ele estará aqui conosco. Resta-me cumprimentá-lo pela grande obra construída, cumprimentar os funcionários e os clientes, especialmente, pela preferência e amizade. Jaime é um herói. Parabéns!”, disse o gerente.