Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1771 - 26 de Março de 2021

Pirâmide Supermercado: sob nova direção, mas com a tradição de sempre

Edição nº 1399 - 31 Janeiro 2014

Mantendo a tradição da marca e de bem servir com preços altamente competitivos, o Supermercado Pirâmide ganha nova direção. Depois de 43 anos à frente do empreendimento, o casal, Elias e Marluce resolveu se aposentar e colocou à venda o mais tradicional supermercados da cidade. 

Como um bom negócio passa logo à frente, o Supermercado Pirâmide inaugurou o ano com novos proprietários, Celso Luiz Borges, o cunhado Samuel de Souza Pucci e esposa, Rosilene Maria   Borges Pucci. O casal reside em Londres há cinco anos, mas em férias na cidade, fizeram a abertura do supermercado, dia 2 último, e retornam à Inglaterra neste final de semana com grandes expectativas, inclusive, das novas idéias a serem postas em prática no novo investimento.

O administrador de empresas, Celso Luiz Borges, 34, sacramentano,  filho de Orlando Correa Borges e Sebastiana Gomes Borges, com mais de dez anos de experiência na área comercial de vendas realiza um sonho. “Assim que conclui Administração, trabalhava no Scala, depois passei a trabalhar com a venda de embalagens, mas sempre de olho em alguma empresa própria. Samuel e eu estávamos decididos a abrir um negócio e enfim chegou a oportunidade. Logo que soube, entrei em contato com os proprietários e fechamos o  negócio”. 

Sacramentano, filho de José Luiz Pucci e Edna de Souza Pucci, o profissional do Turismo,  Samuel, 35, há mais de dez anos vive e trabalha no exterior. Com dupla nacionalidade, além de brasileiro é cidadão italiano, depois de passar pelos Estados Unidos, Canadá, Espanha e Itália fixou residência na Inglaterra com a esposa Rose, mas sempre com a ideia de retornar ao Brasil. Como dizem, deram o primeiro passo. 

“- Chega um dia que a gente sente que está na hora de voltar, ficar mais perto da família. Rose e eu sempre pensamos nisso, então, por que não começarmos a nos preparar para isso? Tínhamos já um planejamento e aguardávamos surgir a oportunidade. Iniciamos lá fora nosso 'pé de meia', como dizemos os brasileiros, e daqui mais um pouco de tempo estaremos de volta à terra natal”, afirma ao lado da esposa. 

Samuel e Rose, casados há seis anos, na correria do trabalho, ele à frente de uma empresa de Turismo, ela motorista de uma companhia de limpeza, perceberam que ainda não é hora de terem filhos. “Gostaríamos de tê-los e criá-los na Inglaterra, o lugar que achamos ideal para criar família, por outro lado, pelo nosso trabalho acreditamos que não é hora ainda”, afirmam.

Mas as vindas ao Brasil serão agora mais frequentes. Pela dupla cidadania de Samuel, isso facilita o livre trânsito para o casal. “Pela internet hoje se resolve quase tudo, mas pretendo sempre que possível dar uma passadinha por aqui, especialmente para incorporar novas ideias, do que vejo lá fora e que poderiam servir como novidade aos sacramentanos, em nosso Supermercado”, afirma mais.  

 

Modernizar mantendo a tradição de 43 anos

O Supermercado Pirâmide tem uma história de 43 anos. Fundado pelos irmãos Elias Alves e Luiz Carlos Alves e esposas, durante muitos anos foi comandado pelos irmãos, que separaram a sociedade há 20 anos. Luiz Carlos abriu o LC e Elias ficou com o Pirâmide que continuou como referência de tradição comercial na cidade.

“- Essa tradição é muito forte, a marca é forte, a clientela é grande e merece isso, então a conservamos, mas claro com a 'nossa marca' também, incorporando novos investimentos, com um mix de mercadorias maior, novos horários de funcionamento e  aos poucos vamos inserindo algumas ideias do comércio inglês que caem bem no Brasil”, explica Samuel, completado pelo cunhado, Celso: 

 

“- Com certeza, nossos clientes sairão ganhando, ficarão surpresos diante do trabalho e do atendimento que vamos oferecer, tanto aos fregueses da cidade quanto aos da zona rural, assim como aos estudantes que, diariamente, tomam o ônibus para suas faculdades aqui na praça, por isso precisamos ter várias opções de alimentação rápida e agilidade no atendimento”, destaca Celso, e Samuel completa: “Por enquanto é 'carta na manga', mas vamos investir na modernização. Em breve teremos aqui um supermercado tradicional, porém, moderno”. 

Aberto de segunda a sábado, das 7h30 às 21h; e, aos domingos, das 8 às 13h. Entregas em domicílio pelo telefone 3351-1844.