Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1783- 18 de junho de 2021

Nárcio viabiliza R$ 600 mil para construção do Centro de Apoio ao Produtor Rural

Edição n° 1216 - 30 Julho 2010

A prefeitura de Sacramento e a Secretaria de Estado de Transportes e obras Públicas – Setop, assinaram convênio para a  construção do Centro de Apoio ao Produtor Rural. Participaram da assinatura, na terça-feira, 27, em Belo Horizonte, além do prefeito Wesley De Santi de Melo e o Diretor Geral da Setop, João Antônio Fleury Teixeira, o deputado Nárcio Rodrigues, que viabilizou o recurso, e o diretor de Planejamento do município, Marcos Antônio Alves

 Os recursos no valor de R$ 686.200,00,  assegurados pelo deputado Nárcio,  já tiveram a liberação publicada e se encontram empenhados pelo Governo de Minas. Do total da verba, R$ 600 mil sairão dos cofres estaduais e o restante, R$ 86.200 mil, como contrapartida do município. O próximo passo será a abertura de licitação para  a execução do projeto.

O Centro de Apoio ao Produtor será construído, segundo informação da secretaria de Obras da Prefeitura, no centro da cidade, e como o próprio nome indica, dará suporte para inúmeros serviços utilizados pelos produtores rurais. 

No mesmo espaço, os produtores  encontrarão os escritórios de diversos órgãos de atendimento específico ao produtor, como Emater, IEF – Instituto Estadual de Floresta, Sindicato Rural, Polícia Florestal e secretaria municipal de Agricultura e Pecuária, o que garante agilidade e facilidade no atendimento ao homem do campo.  O Centro de Apoio contará também com um anfiteatro para 95 pessoas, destinado à realização de cursos, palestras e reuniões. 

O deputado federal Nárcio Rodrigues revelou-se sempre como um grande carreador de recursos para o município. Entre outras grandes obras, é de Nárcio todo o serviço de despoluição do ribeirão Borá através da construção da ETE - Estação de Tratamento de Esgoto. 

Ao assinar o convênio, o prefeito Wesley De Santi agradeceu ao deputado, ressaltando que seu governo tem dado grande prioridade às obras que vão servir os produtores rurais, uma classe que merece de todos o maior apoio possível.