Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1783- 18 de junho de 2021

Usuários da ponte do Rio das Velhas temem acidente


Os moradores da região dos Gobbo, Perdizinha, Soberto e fazendas além do rio das Velhas denunciam há mais de três meses as péssimas condições de tráfego da ponte, depois que foram arrancadas as suas grades de proteção.

Segundo os moradores e usuários diários da ponte, a depredação iniciou há mais de um ano, quando um caminhão bateu no gradil, entortando-o. Logo após, começaram a desaparecer pequenas partes da grade feita de tela, que, segundo alguns, foram retiradas para fazer grelhas para churrasco. Outros afirmam ainda que uma colheitadeira transitando pela ponte arrasou com o restante, ficando uma das laterais praticamente sem a proteção. "A ponte é muito alta, é perigosa, o risco de alguém cair ali é muito grande e o tráfego é grande na ponte, caminhões, máquinas agrícolas e veículos pequenos tudo passa por ali. Se acontecer algum acidente, a culpa será de quem?”, Indagam os moradores, pedindo para resguardas suas identidades.