Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1783- 18 de junho de 2021

Fogo destrói 1.500 ha da Serra da Canastra


Um incêndio de proporções gigantescas tomou conta do Parque Nacional da Serra da Canastra, localizado entre os municípios de Sacramento e S. Roque de Minas, na noirte da última quinta-feira, 17. Na manhã seguinte, com o fogo ocupando grande parte do parque, uma brigada da Polícia Militar de Belo Horizonte chegou ao local com apoio de três helicópteros e três aviões, que se serviram do aeroporto local para abastecimento das aeronaves. Na noite de quinta, dois helicópteros do IEF fizeram pouso para abastecimento no campo de futebol do Sacramento Tênis Clube, acabando com o treino de um grupo de adolescentes, decolando na manhã seguinte rumo ao parque. Por volta das 12h00 de sexta-feira, o fogo já havia destruído 1.500 hectares do parque e com a brigada aérea intensificando o seu trabalho, dificultado pelos ventos fortes e mata muito seca, fazendo com que o fogo proliferasse com rapidez.

Segundo o 1º sargento, Paulo Sérgio Barros, da brigada de BH, que trabalha no apoio de terra, a brigada conta com três helicópteros esquilo A5 350, dois do IEF Instituto Estadual de Florestas, e um da Polícia civil, operados pela Polícia Militar, para ataque direto ao fogo, utilizando equipamento bomb-tracket, de fabricação francesa, com capacidade de carga de 1.500 litros, que vieram da base de Curvelo (MG) e os brigadistas que trabalham no combate direto por terra.

"As aeronaves da Polícia Civil têm também a função de servir de transporte dos brigadistas em regiões de difícil acesso", informou Barros, que prestou apoio em terra com o 3º sargento, Adeiltom Rodrigues Siqueira, de Curvelo.