Jornal O Estado do Triângulo - Sacramento
Edição nº 1595 - 03 de Novembro de 2017

Delegacia fecha fábrica clandestina de bebidas em Franca

Edição nº 1584 - 18 de Agosto de 2017

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Franca fechou, na zona norte da cidade nessa terça-feira 15 uma fábrica de  bebidas clandestina e um depósito com cerca de dois mil litros de cachaça. 

Os agentes da DIG apuravam denúncias de suposto envolvimento com outros crimes quando encontraram o barracão utilizado para fabricação imprópria de aguardentes e bebidas destiladas. A Vigilância Sanitária foi acionada e os fiscais encontraram o prédio totalmente sujo, sem água encanada nas torneiras, vasos sanitários inoperantes e as bebidas manipuladas de maneira totalmente irregular. Frascos com rótulos eram fabricados no próprio local, assim como envase sem autorização dos órgãos competentes. 

À imprensa francana, o fiscal, André Szabo, declarou que "mais uma situação absurda que nós encontramos, um ambiente totalmente impróprio, e eu posso te garantir que qualquer cela de cadeia é muito mais limpa e asseada do que essa suposta indústria de bebidas alcoólicas" explicou o fiscal. 

Foi necessário um caminhão para recolher todos vasilhames e cerca de 2 mil litros de cachaça e outros tipos de bebidas alcóolicas foram apreendidos no local. A perícia também foi acionada e amostras do líquido usado na mistura serão analisadas. O comerciante, que se apresentou como proprietário da fábrica, foi conduzido a delegacia onde foi indiciado por crime contra saúde pública e responde em liberdade.